Cyndi Lauper

Cyndi Lauper fala sobre projetos e Home for The Holidays

Mais uma vez a superstar e ícone, Cyndi Lauper apresentará sua extravagância no Home For The Holidays, um evento em benefício para os jovens LGBTQ sem-teto. O evento que será apresentado por Carson Kressley, no Beacon Theatre em Nova York, na noite do sábado dia 08 de dezembro, será comandando pela cantora pelo 8º ano consecutivo em nome da True Colors Fund. Os convidados deste ano incluem: Amanda Palmer, Angie Stone, Dr. Elmo, Bispo Briggs, Natalie Merchant, Regina Spektor, Bebe Rexha e muitos outros.

Eu conversei com Cyn sobre as realizações deste ano, o progresso em relação à falta de moradia dos jovens LGBT, o show em si e os projetos futuros da Sra. Lauper.

Cyndi LauperMais uma vez é hora de “Home For the Holidays”, que realizações você espera que aconteça no próximo ano com a ajuda do True Colors Fund?

Nos últimos anos, muito progresso tem sido feito para prevenir e acabar com a falta de moradia entre jovens LGBTQs, mas ainda temos algumas maneiras de garantir que nenhum jovem fique sem moradia novamente devido à sua orientação sexual ou identidade de gênero. No próximo ano, a Fundação estará realizando a maior expansão de nosso trabalho até hoje. Aumentaremos o número de comunidades e prestadores de serviços de sem-abrigo em que forneceremos treinamento e educação gratuitos para garantir que todos os jovens necessitados tenham acesso a cuidados seguros, inclusivos e acolhedores. Continuaremos a trabalhar em Washington D.C. e nos capitólios do estado em todo o país para pressionar pelo financiamento e pelas políticas necessárias. E, mais o importante, vamos colaborar com o nosso incrível grupo de jovens líderes que experimentaram a falta de moradia para desenvolver e implementar as soluções necessárias para finalmente acabar com esse problema.

O que é mais emocionante para você em relação ao show deste ano no Beacon?

Que o evento é no próximo fim de semana. Isso marca nosso oitavo ano. Estamos nos ensaios agora e o show vai ser ótimo novamente este ano. Carson Kressley é o anfitrião do nosso show, é claro. A nosso ver, este ano teremos Bebe Rexha, A$AP Rocky, Amanda Palmer, Angie Stone, Bispo Briggs, Charlie Musselwhite, Gina Yashere, Natalie Merchant, Regina Spektor, Robert Glasper, Sara Ramirez, Dr. Elmo, Shea Diamond, The Knocks. Grande line-up e ingressos ainda estão disponíveis alguns vêm se juntar a nós! Tenha uma ótima noite e ajude os necessitados nesta temporada de férias. Uma vitória / vitória.

Houve um caso particular que te inspirou originalmente a facilitar “Home For the Holidays”?

O Home for the Holidays nasceu da True Colors Tour, que fizemos durante os verões de 2007 e 2008. Viajamos pela América conscientizando sobre igualdade e mais de US$ 250.000 para organizações LGBTQ. A turnê também foi o ímpeto por trás de começar a True Colors Fund dez anos atrás. Queríamos trazer a energia e o impacto da turnê em nosso trabalho para prevenir e acabar com a falta de moradia dos LGBTQ, então começamos a Home for the Holidays para garantir que a organização tivesse os recursos necessários para fazer seu trabalho vital. Eu não posso acreditar que este será nosso oitavo ano fazendo o show, será uma ótima maneira de celebrar o 10º aniversário do True Colors Fund.

Sem se tornar político, este ano passado foi mais difícil do que a maioria para atingir seus objetivos?

Eu acho que o ano passado tem sido difícil para muitas pessoas por várias razões e a política certamente teve um papel importante. Mas, ao mesmo tempo, as pessoas estão se mobilizando e deixando suas vozes serem ouvidas mais alto do que em um longo tempo. Quer seja #MeToo e #TimesUp ou garantindo que cada jovem em nosso país tenha uma casa, as pessoas estão de pé e dizem basta. Isso me inspirou e inspirou muitos outros a trabalharem juntos para garantir que o nosso país esteja à altura de seus ideais fundadores.

Além de “True Colors” e do “Home For the Holidays”, você teve um ano movimentado. Existem novos projetos que você gostaria de discutir no horizonte?

A maioria de 2019 será dedicada a terminar as músicas de Working Girl. Eu também estou escrevendo músicas para dois grandes projetos de animação que eu não posso falar ainda, eu estou indo para o Japão em março para alguns shows lá, então vai ser um ano ocupado.

Texto: Get Out Magazine

COMENTÁRIOS